Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CANÇÃO DO AMOR...

Nada pode ser no mundo todo turvo
Amor Maior,  Dezembro, que aguardamos
O sopro do cântico imantado, que arrebenta

Rangidas pessegueiras em tempestades
Não há alegria nem tristeza; há uma palavra
Tecida das cores decretadas às nossas janelas

Desafiado tempo do sempre querer mais e mais

A sós, estaremos, ainda que sob penas de lençóis...

LMBLM




Agradeço as interações


30/09/2019 15:18 - Jacó Filho
CANÇÃO DE AMOR

Soprou-me no ouvido,
A canção que sonhava...
Senti-me tão querido,
Que não acreditava...
Mas depois do beijo,
Tão quente e suave,
Desfiz-me dos trajes,
No embalo do ensejo...
E a canção permanece,
Como parte da mente,
Do ser que já sente,
Ter o amor que merece...


01/10/2019 14:15 - Walter de Arruda

ANOS 20 NA AVENIDA ANGÉLICA...

Nem a Semana de Arte Moderna...
Oferece tanto aos visitantes...
Se pudessem olhar através as cortinas...
Transparentes e eloquentes...
Do nosso palacete amarelo e verde...
Sentiriam as tempestades....
Ativas dos sentidos...
Que aram fundo...
Nosso sentir dum ao outro...
Não economizando nenhum detalhe...
Cantamos e gritamos ao céu...
Toda a doçura deste Amor...
Sobre os lençóis e sob a seda dos olhares....
Luiza De Marillac Michel
Enviado por Luiza De Marillac Michel em 30/09/2019
Reeditado em 01/10/2019
Código do texto: T6757629
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Luiza De Marillac Michel
São Paulo - São Paulo - Brasil
1373 textos (68599 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/11/19 23:26)
Luiza De Marillac Michel