Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SALINO STATUA VOCE / VOZ DA ESTÁTUA DE SAL

Nient'altro spero.                        Nada mais espero.
Strade fatte vicoli.                       Ruas feitas becos.
Tutte l'estremità in parete.           Tudo finda em muro.

Volare gli quero-queros                Voam os quero-queros
Su questa erba secca.                  Sobre este capim seco,
È giorno, má è buio.                     Tão dia, mas escuro !

Sono diventato statua di sale.        Tornei-me estátua de sal,

Perché ho affrontato il male...         Fruto de olhar o mal ...
Camilo Jose de Lima Cabral
Enviado por Camilo Jose de Lima Cabral em 26/11/2019
Código do texto: T6804383
Classificação de conteúdo: seguro
Compartilhar no WhatsAppCompartilhar
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Camilo Jose de Lima Cabral
São José dos Campos - São Paulo - Brasil, 57 anos
722 textos (12438 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/19 22:36)
Camilo Jose de Lima Cabral