Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Rimas de Menina

Quando eu era menina
Era bem pequenina
Morava lá na Rua Firmina
Vivia pela escola a correr cheia de adrenalina
Depois de tomar Ritalina

Quando eu era menina
Era bem traquina
Adorava brincar com a Penina
A ruiva, filha mais velha da dona Angelina
Que vivia na casa amarela da esquina

Quando eu era menina
Era bem cretina
Quase matei a prima Celina
Aquela que cheirava à naftalina
Quando a fiz tropeçar em uma bobina

Quando eu era menina
Era bem feminina
Saia toda linda à farmácia comprar insulina
Na companhia da tia Cristina
Aquela que adorara cuscus doce de milharina

Quando eu era menina
Era bem malina
Visitava muito a casa da vovó Marcelina
Um dia quase botei fogo na piscina
A derramar nela meio galão de gasolina

Quando eu era menina
Era bem gente fina
No Carnaval da minha escola tinha serpentina
Aluno obedecia sem pedir propina
E criança não tomava tanta cafeína.


Marisa Corrs
Enviado por Marisa Corrs em 11/07/2018
Reeditado em 11/07/2018
Código do texto: T6387507
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Marisa Corrs
Taboão da Serra - São Paulo - Brasil
74 textos (2592 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/07/18 18:21)
Marisa Corrs