Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Renilda Viana( lembrança entre 7 ou 8 anos )

Éramos em 5 meninas de 9 irmãos. Uma escadinha, digamos assim.
Minha mãe , não era costureira, mas dava conta de costurar nossos próprios vestidos. Não sei se para facilitar ou para economizar, ela comprava o mesmo tecido e fazia o mesmo modelo para todas nós. Então quando tinha festinhas na cidade , lá estávamos nós 5, todas iguais. Não nos incomodava, até gostávamos! Até que numa época de natal, minha mãe escolheu um tecido verde, com uma estampa de bichinhos, não sei se gatos ou passarinhos. No meio da tarde , depois de uma hora para deixar todas prontas , vestindo uma bermuda e um casaquinho meia manga da mesma cor e cabelos enrolados em cachos, tipo macarrão parafuso, fomos nós, passear, visitar os presépios das casas vizinhas. Todas de verde. 
Ao passarmos na frente de um grupo de senhoras que ficavam ali sentadas na calçada só observando todos que passavam, uma falou:
- Lá vão os periquitos de Dona Ilce! 
Quando a mulher falou isso, olhamos uma para a outra, começamos a chorar e voltamos pra casa, loucas de raiva. Arrancamos as roupas, desmanchamos aqueles cachos ridículos e não quisemos mais ir a lugar nenhum. Depois daquele dia percebemos o quanto éramos ridículas, nos rebelamos e não aceitamos mais vestir roupas iguais. Minha mãe achou a situação tão cômica que não conseguiu ficar brava. Lembro até hoje do modelito.
Renilda Viana
Enviado por Renilda Viana em 12/01/2021
Reeditado em 13/01/2021
Código do texto: T7158414
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre a autora
Renilda Viana
São Paulo - São Paulo - Brasil
303 textos (56105 leituras)
6 e-livros (1984 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/01/21 06:37)
Renilda Viana