Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MODELOS DO EDUCADOR da juventude: Bernardino Realino

02/07 –  POR PROF. FELIPE AQUINO2 DE JULHO DE 2018SANTO DO DIA

A cidade de Lecce teve um privilégio: o de haver eleito o próprio
santo protetor não só antes que fosse proclamado santo oficialmente pela Igreja, mas até mesmo antes que o protetor em questão deixasse esta vida. De fato, antes que o piedoso jesuíta Bernardino Realino morresse, o conselho municipal de Lecce foi à cabeceira do moribundo para pedir-lhe aceitar oficialmente a proteção da cidade.
Provavelmente os cidadãos de Lecce, que tiveram a sorte de hospedar um santo homem procurado por discípulos de todas as partes da Itália, temiam que a proteção do futuro santo fosse reclamada pela cidade de Capri, onde Bernardino Realino havia nascido a 1° de dezembro de 1530.

Nos seus anos de juventude Bernardino colheu lisonjeiros sucessos literários, frutos de um vivo amor aos estudos humanísticos, iniciados entre as paredes domésticas, sob a guia de bons preceptores, e prosseguidos de Bolonha, onde frequentou por três anos cursos de filosofia e medicina, para passar depois aos de direito civil e eclesiástico nos quais se laureou em 1556.
Pela brilhante carreira administrativa empreendida sob a proteção do governador de Milão, a quem seu pai prestava serviço, Bernardino Realino pode ser invocado como protetor de certas categorias de cidadãos, que julgam poder contar com poucos santos: Bernardino foi de fato prefeito em Felizzano de Monferrato (para garantir a imparcialidade na administração da cidade, o prefeito era importado de outras regiões), foi advogado fiscal em Alexandria, em seguida de novo prefeito de Cassine, depois pretor em Castel Leone, e por fim desceu a Nápoles na qualidade de auditor e lugar-tenente geral.

As imagens devocionais do santo no-lo representam recebendo
o Menino Jesus nos braços. Foi de fato após a aparição de Nossa Senhora e do Menino Jesus que Bernardino abandonou a brilhante carreira administrativa para fazer parte da Companhia de Jesus, em 1564; três anos depois recebeu a ordenação sacerdotal e foi nomeado diretor espiritual e mestre dos noviços.

Enviado a Lecce em 1574 para a fundação de um colégio, permaneceu nesta cidade até a morte, ocorrida a 2 de julho de 1616.

Eleito, como dissemos no começo, protetor da cidade antes da morte, foi beatificado em 1895 por Leão XIII e canonizado por Pio XII a 22 de junho de 1947, e proposto como exemplo de educador.

Outros Santos do mesmo dia: Santos Processo e Martiniano, São Monegundes, São Oto de Bamberga, Beato Pedro de Luxemburgo,
São Lidano de Sezze, Beata Eugênia Joubert.

Sobre Prof. Felipe Aquino

http://cleofas.com.br/0207-sao-bernardino-realino/
Enviado por J B Pereira em 03/07/2018
Reeditado em 04/07/2018
Código do texto: T6380093
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
J B Pereira
Piracicaba - São Paulo - Brasil
1900 textos (902207 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/09/18 15:40)