Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu eternamente cantarei a paz


Ouçam também, letrão...

Andre do A. Gomes



Natiruts
Composição: Indisponível

Quando surgir um tempo de esperança
Não vá pensar, não vá pensar
Que ao virar a esquina haverá mudança
Brilharemos pelos que virão por causa de nós
E da intervenção divina
Que abençoou a claridez da nossa sina
Canções ao violão libertando o coração
Deus perdoe a pobreza da nobreza
Deus proteja a vida de quem quer que seja
Eu eternamente cantarei a paz
Eu eternamente cantarei amor[
Eu etenamente cantarei para você mãe natureza
E quando o amor bater não vou deixar fugir
E a luz da esperança vai reacender
Do infinito a força para reagir e sumir com a dor

André Gomes Entre o Que Pareço SER
Enviado por André Gomes Entre o Que Pareço SER em 20/06/2006
Código do texto: T179025
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
André Gomes Entre o Que Pareço SER
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil, 38 anos
279 textos (9330 leituras)
1 áudios (324 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/11/19 09:51)
André Gomes Entre o Que Pareço SER