Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A rota do indivíduo (Ferrugem)

Outra obra prima dentro da música brasileira...

Andre do Amaral Gomes.


Composição: Djavan e Orlando Moraes

Mera luz que invade a tarde cinzenta
E algumas folhas deitam sobre a estrada
O frio é o agasalho que esquenta
O coração gelado quando venta
Movendo a água abandonada
Restos de sonhos sobre um novo dia
Amores nos vagões, vagões nos trilhos
Parece que quem parte é a ferrovia
Que mesmo não te vendo te vigia
Como mãe, como mãe que dorme olhando os filhos
Com os olhos na estrada
E no mistério solitário da penugem
Vê-se a vida correndo, parada
Como se não existisse chegada
na tarde distante, ferrugem ou nada.


André Gomes Entre o Que Pareço SER
Enviado por André Gomes Entre o Que Pareço SER em 20/06/2006
Código do texto: T179029
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
André Gomes Entre o Que Pareço SER
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil, 38 anos
279 textos (9312 leituras)
1 áudios (324 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/09/19 02:37)
André Gomes Entre o Que Pareço SER