Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Uma flor que vai chegar!!!

Lanço-me sem querer as águas mais cristalinas dessa terra
E eu que nem sei nadar! O que será de mim? O que será!?
Molha-me oh Deus com a mais rica chuva de primavera!
Molha-me e eu a esmo! Totalmente a esmo!!
Pois moro aqui mesmo eu e toda a criação e toda essa plantação
Voo pelo o mais puro vento e faço morada no meu próprio pensamento
Passeio pelo o rio florido, Rio claro de emoção
Desço o riacho e depois vou pelo o verde vasto
Mas vou com muita calma, Calma na bendita alma
Carrego apenas pétalas úmidas e algumas gotas de orvalho pelo o rosto
Encho-me de amor e de esperança
Trago todo o azul daquele céu no meu olhar
Olho a roseira e vejo o verde rosa
Sinto o cheiro da catingueira, Saudades da Paraíba
E no final adivinho as cores e os odores de toda a mantiqueira
Paulo Poba e Suzana Costa
Enviado por Paulo Poba em 16/04/2019
Código do texto: T6624554
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Paulo Poba
Campinas - São Paulo - Brasil, 36 anos
310 textos (3849 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/04/19 11:19)
Paulo Poba