Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor inocente

Com o silêncio de vastas,
Ruas alimentadas de vozes,
Some o amor de suas castas,
E címbalos e de várias moves.

Amor inocente por esta mulher,
Ela e linda mais harmoniosa,
E fazer dela garfo, faca e colher,
E concorrer como fosse rosa.

Refrão
Um casamento de vestido branco,
Um homem de fraque sincero,
A mulher usando um tamanco,
E fazendo como ser seu primeiro.

O amor feito para a noite,
Nossos augustos os medos,
De amanhecer como credos,
E de galgar fosses como foste.

O coração de cada lugarejo,
De cada momento serdes,
E nada invejar como vejo,
E ser com ela mais simples.

Refrão
Um casamento de vestido branco,
Um homem de fraque sincero,
A mulher usando um tamanco,
E fazendo como ser seu primeiro.

Com imaginação somos feitos,
De superar nossas vontades,
E sermos ao coração e afeitos,
E amarmos nossas tardes.

No coração de suas ornas,
De cada vontade esse ecoas,
De ventas como esse hibernas,
De fazer moradas pessoas.

Refrão
Um casamento de vestido branco,
Um homem de fraque sincero,
A mulher usando um tamanco,
E fazendo como ser seu primeiro.

Gumer Navarro
Enviado por Gumer Navarro em 30/06/2020
Código do texto: T6992240
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Gumer Navarro
São Paulo - São Paulo - Brasil, 36 anos
4131 textos (14508 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/07/20 18:14)
Gumer Navarro