Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Teus Olhos

Meu amor, em teus olhos eu não pude ver nada
Nem o azul do mar, nem antigas metáforas
Onde é que posso enxergar sua alma?
Meu bem, teus olhos não me dizem nada

Mas querida, foi de todas as formas
Que em seus olhos eu me busquei
Ainda que não haja resposta
Foi por teus olhos que eu me apaixonei

Meu amor, em teus olhos eu não vi reflexos
Não vi Deus e também não vi o inferno
E onde é que eu posso me encontrar?
Em teus olhos eu não vi nada de belo

Mas querida, foi de todas as formas
Que em seus olhos eu me busquei
Ainda que não haja resposta
Foi por teus olhos que eu me apaixonei

Meu amor, em teus olhos não vi fogo
Nem paixão nem ao menos o gosto
E onde é que posso enxergar?
Meu bem, eu teus olhos não vi nada além de seu rosto

Mas querida, foi de todas as formas
Que em seus olhos eu me busquei
Ainda que não haja resposta
Foi por teus olhos que eu me apaixonei

E eu acho que a figura humana tão divina
Em teus olhos eu não posso ver além da retina
E meu bem, foram nesses teus olhos que eu busquei
Foram esses olhos que eu não encontrei
Mas foram esses teus olhos que eu me apaixonei


Maycon Batestin
Enviado por Maycon Batestin em 26/10/2007
Código do texto: T710643
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Maycon Batestin
São Paulo - São Paulo - Brasil, 33 anos
2645 textos (108272 leituras)
3 e-livros (207 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 05:11)
Maycon Batestin