Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Fundec tem como prioridade em 2007 conclusão de seu teatro

 
A Fundação de Desenvolvimento Cultural (Fundec), de Sorocaba, tem como prioridade para este ano a conclusão de seu teatro, com capacidade para 244 pessoas e modernos sistemas de acústica, iluminação e climatização, que vem sendo construído com recursos gerados pelas suas empresas apoiadoras, desde julho de 2006. O teatro da Fundec é erguido em área aos fundos do antigo Teatro São José, depois Paço e Câmara Municipal, na rua Brigadeiro Tobias, na região central da cidade, onde antes se encontrava o antigo Plenário, remanescente da passagem da Câmara de Vereadores pelo prédio, nas décadas de 80/90.
 
A informação surgiu durante visita realizada ontem à redação do DIÀRIO pelo presidente da Fundec, o empresário Alexandre Issa Latuf, acompanhado do diretor de Patrimônio da instituição, Luciano Viana de Carvalho. Disseram também que as obras estão em fase bastante adiantadas, já chegando ao revestimento em gesso do teto, enquanto paralelamente são encaminhadas providências para sua finalização, inclusive em termos de mobiliário. Com o teatro, a Fundec poderá ali realizar, com maior comodidade, sobretudo técnicas, suas apresentações teatrais e musicais, inclusive retornando as exibições de filmes pelo Cineclube Municipal, paralisadas desde a desmontagem do antigo Plenário. O palco também será adequado para concertos de grandes orquestras sinfônicas, trazendo além do refinado tratamento acústico, espaço para mais de sessenta músicos.
 
Por ocasião da visita de ontem ao jornal, a diretoria da Fundec também procedeu a entrega do relatório das atividades desenvolvidas pela entidade em 2006. Este apresenta os números alcançados junto ao público e alunos atendidos.
 
A atual diretoria executiva da Fundec, que administra de forma voluntária a entidade no biênio 2006/2007, é constituída por Alexandre Issa Latuf (presidente), Paulo Virgílio Guariglia (vice-presidente), Luiz Antônio Zamuner (1º secretário), Carlos Alberto de Souza Filho (2º secretário), Wilson Vieira (1º tesoureiro), Geraldo Aparecido Ricci (diretor Técnico) e Luciano Vieira de Carvalho (diretor de Patrimônio).
 
As atividades realizadas pela Fundec em 2006
Durante todo o ano de 2006, a Fundec realizou as seguintes atividades:
 
* MÚSICA: Desenvolvimento das orquestras Sinfônica de Sorocaba e Orff e do Instituto Municipal de Música de Sorocaba (IMMS). Audição de alunos dos cursos Instrumentais, de Canto Lírico e de Musicalização Infantil. Corais Adulto e Infanto-Juvenil da Fundec, assim como do Lar-Escola “Monteiro Lobato” e do Instituto “Humberto de Campos” e Madrigal da Fundec. Bandas Sinfônicas e Big Band Fundec. Apresentações do Grupo de Choro, Quarteto de Cordas MPB e Jazz, Quinteto de Metais, Piano e Trompete, e Violão e Canto.
 
* NÚCLEOS ARTÍSTICOS: O Núcleo de Artes Cênicas encerrou o ano letivo com a montagem de quatro peças, sob direção do professor Mário Pérsico. Já o Núcleo de Dança, com o espetáculo “Mulheres, Graças e Fúrias” encerrou 2006 com peças de Ballet, Jazz, Sapateado e Dança do Ventre, ao som de uma belíssima trilha sonora, enquanto que o Núcleo de Informações disponibilizou materiais para estudo nas áreas de música, teatro, dança, artes-plásticas, cinema, museus e patrimônio histórico, além de CDs e fitas de vídeos produzidos pela Linc.
 
* OUTRAS ATIVIDADES: Máster Class e palestras com o Quarteto de Cordas do Estado de São Paulo, reunindo grande número de músicos interessados. Também a palestra com o jornalista, publicitário e membro da Escola de Pais do Brasil, Rui Batista de Albuquerque Martins, com o tema “O Relacionamento Pessoal e o Sucesso Profissional”, atraiu grande número de presentes. O Cineclube Municipal apresentou 26 filmes com gêneros e estilos diversificados a um público estimado em 250 pessoas. Exposições aconteceram no piso térreo da Fundec, com o Salão de Artes e Exposições, recebendo, durante o ano de 2006, exposições de alto nível, com um público estimado em mais de 10 mil visitantes, contribuindo para o acesso popular aos diversos segmentos artísticos e culturais. Ainda no decorrer do ano, a Fundec realizou o lançamento de espetáculos teatrais e musicais, de livros e CDs, através de projetos aprovados pela Linc (Lei de Incentivo à Cultura do Município), além de sediar a 2ª Semana do Escritor. Também procurando atender a uma demanda sempre crescente, a Fundec implantou no ano passado os novos cursos de Apreciação Musical e de Desenho Artístico, que agora, neste início de 2007, vêm se somar aos de Fotografia e Vídeo, que estão tendo suas primeiras turmas iniciando suas atividades nesta semana.

clipping
Diário de Sorocaba
Quinta-feira, 8 de fevereiro de 2007
Caderno Arte e Lazer, página B1
Douglas Lara
Enviado por Douglas Lara em 08/02/2007
Código do texto: T374027

Comentários

Sobre o autor
Douglas Lara
Sorocaba - São Paulo - Brasil, 82 anos
517 textos (142994 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/20 11:43)