Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

2 + 2



A matemática que sei, me impediu de ir em frente, de ter uma profissão decente, estar engajada produtivamente na sociedade e me pôs no lugar de ter que contar trocados, sempre correndo riscos junto a uma possível sedução delituosa que estar aquém na vida oferece no trajeto, papel  que tenho desempenhado cotidianamente porque ao menos as 4 operações básicas eu sei, dando conta do recado, mas deveras desconfortável diante de tantos que sabem tudo certinho ou deveriam saber, porém roubam, enganam, enfiam os pés pelas mãos, se sujam quando tinham uma vida limpinha aparentemente, se envolvem em corrupção, etc. e se mantém exercendo suas funções normalmente, até sem incômodo, alguns.

Talvez eu sinta mais que qualquer outro cidadão, mesmo o mais humilde de todos, se este nunca teve a sua cidadania tão ultrajada e desrespeitada como a minha tem sido e muito desconfortável mesmo, porque sei que se eu perguntar para a maioria dos profissionais estabelecidos no mercado, que não sejam da área, qual deles saberia me dizer de pronto, sem dar nenhuma olhadinha em livro lá da sua adolescência, qual é a fórmula de baskara, quantos saberiam a resposta que enfim, acaba avaliando se um aluno pode ou não continuar os seus estudos?

Ene Ribeiro
Enviado por Ene Ribeiro em 13/06/2018
Código do texto: T6363556
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Ene Ribeiro
Goiânia - Goiás - Brasil
12402 textos (231475 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/06/18 10:18)
Ene Ribeiro

Site do Escritor