Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FALANDO COMIGO MESMO

Tem dias que somos mais sensíveis,
sentimo-nos desprotegidos, falta cor.
Tem dias assim, como muita saudades
Muitas lembranças, falta tudo, falta sol
sobra lagrimas, falta  seu amor.

Existe tempo que você quer dividir,
suas emoções, suas comoções, suas alegrias
E neste tempo você descobre que esta só
Fica parado, estático, mudo e chora

Não tem com quem dividir, nem tem com,
quem comentar, e fica retornando ao passado.
Querendo falar com quem já não ouve,
querendo mostrar a quem já não vê,
Tenta saber  como esta do outro lado,
Ninguém responde , só existe o você.

Hoje é um dia assim,
Que poderia ser mais feliz
porque existe um motivo.
Que em outros tempos era comemorado a dois.
Eu e você, que fomos o precursor,
da beleza deste momento, estamos separados
na matéria  e unidos espiritualmente.
Porque um dos frutos de nosso amor
Com sua força, e esforço, completa  seu mestrado
Comprovando mais uma vez que
há alegrias que só nos pode vir por meio da dor”


Figueroa ( 31-08-2007)
Escrito no dia em Daniele conluia seu mestrado






FIGUEROA
Enviado por FIGUEROA em 03/09/2007
Código do texto: T636712
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
FIGUEROA
Aracaju - Sergipe - Brasil, 77 anos
56 textos (4454 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 18:15)