Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

               Comentário da Liturgia 
              do 21º Domingo Comum.

          

          (Is 66,18-21;Sl 116; Hb12,5-7.11-13;Lc13,22-30)

 

Alguém pergunta a Jesus sobre o número dos que se salvam.  Nos meios rabínicos prevalecia a compreensão de que todo o povo de Israel, como filhos de Abraão, se salvaria, enquanto as nações gentias seriam destruídas e condenadas.

 O profeta Isaías já anunciara a acolhida de Deus a todos os povos, como vemos na 1ª leitura.

 É pela conversão, produzindo frutos de paz e justiça que se dá o ingresso no Reino de Deus, de cordão com a segunda leitura.

Os israelitas costumavam imaginar o céu como perene festa, num palácio magnífico e cuja porta de entrada é estreita. Jesus, atendo-se a esse modo de pensar do povo, convida a todos a se esforçarem para conseguir entrar por esta porta estreita. A porta estreita é símbolo dos mandamentos de Deus, que não dão passagem aos vícios, às desordens, aos desrespeitos, aos ódios, às maldades e às descrenças.

Cristo nos adverte que devemos nos esforçar, - jogar fora a indolência, a preguiça, a inatividade, a indiferença, a despreocupação pelas coisas de Deus. Observemos na 2ª leitura a educação paternal de Deus.

Cristo insiste que sejamos proclamadores de sua doutrina, agentes de caridade, participantes da Igreja que ele veio fundar. O salmista nos convida dizendo: ”Proclamai o Evangelho a toda criatura!”

Os convidados serão os patriarcas, os profetas e muitos pagãos das quatro partes do mundo.

Então alguns que foram chamados primeiro serão os últimos e não entrarão; outros chamados na última hora se adiantarão aos primeiros lugares.

Para entrar no céu precisamos lutar, porque nada se consegue sem sacrifícios.

Devemos aproveitar os talentos que Deus nos deu. Não podemos enterrar nossas qualidades, mas colocar os dons que recebemos a serviço de Deus e dos outros.

É necessário fazer vontade do Pai, acolher a Palavra e colocá-la em prática para sermos salvos.



Com som em:
http://www.marineusantana.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=624879

 

marineusa
Enviado por marineusa em 26/08/2007
Reeditado em 26/08/2007
Código do texto: T624879

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (marineusantana@hotmail.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
marineusa
Brejo Santo - Ceará - Brasil, 72 anos
1726 textos (326403 leituras)
39 áudios (29738 audições)
18 e-livros (9109 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 14:58)
marineusa