Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Deus nos provoca ao amor

 

            Quando lemos alguns textos bíblicos há certas palavras, frases que podem parecer contraditórias. Por exemplo, quando Moises conduzindo o povo no deserto pede a Deus clemência pelos pecados que o povo comente na travessia rumo à terra prometida e Deus ouvindo-o se arrepende de destruí-los. 

            Primeiramente, Deus jamais se arrepende do que faz, sendo assim, não volta atrás, não erra. Deus é amor, Deus é onisciente, onipresente, onipotente. Antes do homem pensar Ele já sabe o que pensou. Enfim, Deus já conhece a vida do homem do seu inicio ao seu fim. 

            Porém, Deus está sempre provocando nossa fé, o quanto o amamos como também amamos nossos irmãos, desta forma parece que Ele se torna alguém que vai e vem em suas decisões. Também Ele sabe até onde podemos chegar, conhece nossa capacidade de amar. Ele não decepciona com o homem porque o conhece no seu todo. 

            É importante também ressaltar que Deus conhece todos os nossos limites, nossas fragilidades, dificuldades, complexidades. Enfim, Ele tem plena consciência de nossas oscilações tanto na fé quanto na vida em busca da santidade. Somos seres espirituais (Divinos), mas ao mesmo tempo somos humanos e sujeitos a todas as formas de falhas, somando se ainda a Ação do mal – sujeito – que vive eternamente a nos tentar, levando muitas vezes a perdermos na caminhada. 

            O amor a Deus está na prática do dia-a-dia, seja em nossa vida intima de oração que é o dialogo com Ele na contemplação, na Ação de Graças pelo dom da vida, em nossas suplicas, na meditação para redirecionamento de vida. Enfim, na intimidade da oração como também o amor a Deus está na pratica do amor ao próximo que é a caridade, a solidariedade, a fraterninadade, o perdão. Portanto, o fruto da intimidade do homem para com Deus é a sua (homem) ação no mundo.  

            Finalizando, Deus muitas vezes nos provoca ao amor, em um de seus evangelhos nos mostra que há muita felicidade nos céus quando nos vê praticando o amor uns pelos outros. Deus não quer que nenhum de seus filhos se perca e quando vê que alguém está perdido Ele através de corações abertos a Sua Palavra vai ao encontro daquela ovelha perdidas deixando as noventa e nove que se encontram bem guardadas.

Ataíde Lemos
Enviado por Ataíde Lemos em 16/09/2007
Reeditado em 16/09/2007
Código do texto: T655145
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Ataíde Lemos
Ouro Fino - Minas Gerais - Brasil, 52 anos
5354 textos (1256087 leituras)
5 e-livros (11995 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 18:26)
Ataíde Lemos

Site do Escritor