Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MINHA LUTA PRA TENTAR CRIAR UM METAPOEMA QUE FIQUE LEGAL MAS NEM SEMPRE

"Lembre das rimas ricas"
Dicas de sábio mestre;
Preste atenção ou ficas,
Bicando texto teste.

Veste de versos lindos,
Indo vestir poema,
Tema? Formando ainda.
Brinda-se. Nada tema.

Lema do bom poeta:
Metapoema fazes?
Trazes curas completas?
Retas que só tem gazes?

Gases de letras fluem,
Suem neurônios meus!
Teus versos se situem,
Nu em pêlo escreveu.

Deus, me ajude agora!
Ora quem nem escreve!
Neve em minh'alma aflora,
Hora que o verso atreve.

Breve esforço eu faço,
Traço cada palavra,
Lavra a linha, pois caço,
Braço que me abraçava.

Salva esse meu poema,
Rema pro outro lado,
Vá do seu jeito e gema!
Sem maltrata'o grafado.

Gado são minhas letras,
Tretas que eu mesmo invento.
Tento com uma caneta,
Ser tal poeta lento.

Chega! Cansei das rimas!
Já deu muito cansaço.
Escrevi como eu quis.
Se leu até aqui...


Abraço!
Leandro Severo II
Enviado por Leandro Severo II em 22/08/2019
Código do texto: T6726287
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Leandro Severo II
São Paulo - São Paulo - Brasil, 26 anos
75 textos (3295 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/11/19 06:03)
Leandro Severo II