Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Na era dos piolhos

  Catar  piolhos!   Assim  fazia  Dona  Sinhá...   Pegava Serafina a força pelos braços, prendia no vão das pernas, que  era só gritos  da  infeliz e  começava a lida.  De vez e outra, dava uns tapas em suas pernas, só para acalmar a coitada  e recomeçava  a catar  os piolhos,  um a  um e os espremia entre as unhas, que escutava os estalos.
  Depois  vinham  as  lêndeas,  que  a  pobrezinha choramingava com os puxões de cabelos.
  Em outras vezes, Dona Sinhá espremia limão em seus cabelos,  amarrava  com  um  pano  velho  e  obrigava  a miserável a se sentar no sol.
Cândido Paulo Domingues
Enviado por Cândido Paulo Domingues em 05/11/2019
Reeditado em 14/11/2019
Código do texto: T6787539
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Cândido Paulo Domingues
Cajati - São Paulo - Brasil
5337 textos (1151993 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/11/19 00:26)
Cândido Paulo Domingues