Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Os corpos do deleite - 40

  Oração incompreendida ao corpo feminino do Universo:

     Só luz e anúncio de luz,
     enquanto as trevas sufocam as vozes da vida ...
     Anjo de luz anuncia a luz
     e presidentes de estados iniciam a despresidência
     Há esperança de luz
     nos olhos dos então súbditos, hoje luz e fogo de Humanidade.
     Já o Universo feminino, a Terra Mãe
     observa através dos olhos dos vulcães
     como a vida pode surgir do fogo e das cinzas
     livres de presidências e de exércitos e de ódios legais ...
     Há onde quer no Universo fendas de luz e estrelas peregrinas ...

(NOTA.- Permito-me usar o plural etimológico e galego de "vulcão" - vulcães e não vulcões.)
AGIL
Enviado por AGIL em 09/06/2018
Código do texto: T6359715
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Agradeço que cite o meu nome: António Gil Hernández) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
AGIL
Portugal
2220 textos (47937 leituras)
10 e-livros (294 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/06/18 10:15)
AGIL