Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vestígios de uma vida

     Vivo a 26 anos, hoje percebo que não sei muito a meu respeito e sigo adiante com o propósito de  a cada passo poder me entender melhor. Acredito que a perfeição está em torno daqueles que buscam se conhecer, nesta pedagogia reconheci minhas falhas, misérias, pecados, desta forma avistei meus limites, tracei metas, com a verdadeira intenção de crescer, amadurecer e cooperar com a sociedade, sendo um instrumento nas mãos de Deus. Percebi minha inutilidade nas horas em que busquei fazer minha vontade, reconheço ser completamente necessitado de Deus, e que sem ELE nada posso fazer, a não ser minhas vontades, desejos de minha carne, que sei muito bem aonde me levou.
     Hoje olho para o mal que tenta dominar a sociedade através das pessoas, e enxergo de forma desfigurada aquilo que posso me tornar, caso eu me renda aos prazeres deste mundo transitório, que como um leão tenta destroçar as pessoas com suas ilusões e mentiras. Eu já fui um jovem alienado que seguia do outro lado, sem saber trabalhei para um príncipe que a milênios foi destronado, lutei contra o bem achando que travava uma batalha contra o mal, de filho passei a ser um domesticado animal, que seguia os ensinamentos daquele que me doméstico.
     Bendita Luz que iluminou minha estrada, minha vida, minha história, passei a ver as coisas com outros olhos, e percebi em mim mesmo a ciência do bem e do mal, neste presente momento travo uma luta comigo mesmo, desde o dia que tomei consciência desta cruzada sofro com os ultrajes desta guerra pessoal, onde minha carne deseja assassinar sua fome no pecado e minha alma abandonar-se nas mãos do Criador.

AMOR EUCARÍSTICO

EM NOITES ESCURAS...
ENTRE A CERTEZA E A INCERTEZA,
QUE GERAM A DÚVIDA.
ENTRE O AMOR E O ÓDIO,
QUE NOS DIFERENCIAM UNS DOS OUTROS.

MINHA VIDA É DIVIDIDA EM DOIS CAMINHOS.
ENTRE O TUDO, E O NADA...
ENTRE O CÉU, E A TERRA...
ENTRE O INÍCIO, E O FIM...
ENTRE O ETERNO, E O IMORTAL...

MINHA ALMA E O MEU CORPO...
LUTAM ENTRE SI, NESTA BATALHA.
ONDE MINHA ALMA QUE A DOCE PAZ...
E O MEU CORPO, ABEDICAR DA CONSOLAÇÃO CARNAL.
SINTO-ME ESQUARTEJADO EM DUAS PARTES...

MAS A FORÇA DO ALTO VEM EM MEU AUXÍLIO.
ALIMENTA-ME COM SEU SANTO CORPO,
LAVA-ME COM SEU SANGUE PRECIOSO...
EM SEU MISTÉRIO EUCARÍSTICO,
RECONSTROI TODO O MEU SER...


Irmão Leandro
Leandro da Silva Senna
Enviado por Leandro da Silva Senna em 11/09/2010
Código do texto: T2491895

Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Leandro da Silva Senna
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 36 anos
282 textos (29545 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/05/21 03:20)
Leandro da Silva Senna