Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CAMINHOS DOS ANJOS

  Partiria sem lágrimas no olhar, libertando meu ser desta dor.
  Esqueceria do amor que dilacerara minha alma, que roubara minha
  tranquilidade.
  Nao haveria mais tristeza, nem sussuros nas madrugadas, rompendo
  o silêncio.
  Minha vóz se calaria então, de braços abertos me lançaria no infinito
  nas profundezas dos céus.
  Me libertaria desta solidão, para que em algum lugar eu encontrasse
  paz no meu ser.
  E minha angustia nao sufocaria os sonhos, sonhos perdidos nas ilu-
  sões mundanas.
  Haveria um tempo e um lugar para que eu me confortasse, para que alguem acolhesse me. Alguem que nao julgasse meus atos, alguem para aceitar me com minhas fraquezas. E se este lugar fosse onde encontramos os querubins, em suas asas me refugiaria. Queria estar com os anjos, numa terra onde nao houvesse hipocrisia, num mundo onde nao houvesse a podridao da ganancia. Onde eu pudesse crer novamente nos valores, na dignidade do homem. Saber que grandioso e o carater. Mentiras, ferem minha natureza sonhadora, dilacera minha fe. Conduzindo me num caminho vazio, num obscuro abismo. Abismo que absolve minha esperanca, cegando me.
CAMOMILLA HASSAN
Enviado por CAMOMILLA HASSAN em 02/12/2006
Reeditado em 05/10/2008
Código do texto: T307990

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
CAMOMILLA HASSAN
Atibaia - São Paulo - Brasil, 37 anos
1308 textos (159675 leituras)
29 áudios (11825 audições)
5 e-livros (511 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 23:43)
CAMOMILLA HASSAN