Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Olho para os lados,
no movimento ciclico já é noite
minha mente tenta negar o abismo
o inexoravel, o inominável,
pois a lucidez sabe que a morte ronda,
que a decadencia é certa
que é preciso viver conformado,
bombardeado pelo dualismo banal
da existencia
deste viver misterioso,
e ter que continuar vivo
num  desafio para encontrar o caminho,
desacreditando nas sereias visionarias,
que cantam armadilhas,
inventando paraisos que não existem
pois sonhos consumistas 
são banais,passageiros e mortais 
fugazes como o ultimo suspiro...
 
Mariangela Barreto
Enviado por Mariangela Barreto em 07/03/2015
Reeditado em 07/03/2015
Código do texto: T5161942
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Mariangela Barreto
Recife - Pernambuco - Brasil
681 textos (15056 leituras)
2 e-livros (118 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/04/20 15:04)
Mariangela Barreto

Site do Escritor