Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tem um lado em mim que precisa de cura
que por sentir-se feio, triste, maltratado
fica no canto invisivel, entrevado,
anseia a luz  quer iluminar-se
 por mais que tente, 
não sabe.

Tem um pedaço em mim
que  sofre,
um fragmento solitario,
aquele que tropeçou e ficou para trás  
vendo de soslaio o riso no rosto alheio
invejando a beleza sem saber-se belo.
Mas como expressar  temores,
no mundo onde a força impera?
ser sensivel aqui é ser anormal...

Esta parte encarquilhada  avança,
sozinha, remendada mistificando a dor 
mas dentro de mim incompleta e solitária
não consegue a liberdade que impera 
 entre guilhões vive prisioneira,
 arrasta-se  incompleta...

A dor  faz lembrar
da parte esquecida de mim 
dos fragmentos que imploram cura,
daqueles que precisam de luz
ela sofre então lembra...

É tempo de retornar
reencontrar as partes companheiras
fragmentos da tristeza que estão pra trás,
é preciso retornar em nome do amor,
resgatar o que foi rejeitado, renegado
partes sensiveis gentis e belas
 massacradas pelas guerras,
é preciso resgatá-las 
para sentir-me curada,inteira
livrar-se da dor
em nome da luz, em nome da paz..
em nome da vida,em nome  do amor...
Mariangela Barreto
Enviado por Mariangela Barreto em 19/08/2017
Reeditado em 20/04/2018
Código do texto: T6088802
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mariangela Barreto
Recife - Pernambuco - Brasil
662 textos (14355 leituras)
2 e-livros (101 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/11/19 12:49)
Mariangela Barreto

Site do Escritor