Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Busca

Mergulho insondável num abismo escuro, qual tão obscura minha alma está. Mas mesmo no fundo de tal poço profundo de decepções, embustes, enganos , tem luz a brilhar.
Ó alma que busca novos horizontes impossíveis, que deseja sem fim o que não pode ter!
Se acalma e vive o despertar de novo dia, olha o sol nascendo, que lindo dia!
Alma, não podemos ter tudo. Mas caminha sem caminhar, espírito viaja e seja feliz!
Ó destino insondável! Ó vida tão misteriosa e linda! Doença que vem e nos faz sofrer, morte que leva a quem amamos... Quantas desilusões, profundos desenganos!
Mas alma descansa e te acalma. Vou te contar um segredo, não tenhas medo, porque um dia vamos para um lugar tão lindo! Lá não tem doenças e a morte ali não chega. Ali eu vou andar! Tem um bosque tão lindo, eu quero correr lá! Todos que amamos vamos reencontrar!
Alma, te acalma e apenas continua a viver e amar...
AndréFurlan
Enviado por AndréFurlan em 14/11/2017
Código do texto: T6171844
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
AndréFurlan
Campinas - São Paulo - Brasil
144 textos (4175 leituras)
27 áudios (779 audições)
32 e-livros (489 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 17:09)
AndréFurlan