Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Conversas

Sempre a alma desperta
O coração acelera, a mão treme,
As palavras deslizam dos meus dedos
Dedos que desenham letras com a caneta
Só quando o sinto é que escrevo
E sempre que escrevo... sinto!
Imposições não são perfeições
O sentimento poético é perfeito
Faço tudo com amor e por amor seja lá o que o amor for
O amor que é tudo aquilo que receamos
Que achamos poder correr mal
Sofro muito... porque não vejo dentro das pessoas o amor
Não esse amor fingido que dou sem medida
Mas aquele amor, dádiva sem medida...
Sofro porque são os fracos de espírito
Esses que não deixam abrir-lhes o coração
Há coisas tão belas... ! Eu sou tão frágil!
O teu sofrer teme a distância
Nunca escondemos o barro de que somos feitos
Se lágrimas não houvesse todos seríamos cegos
Choro tanto!
Deixa-me ser eu a secar as lágrimas que te lavam a face
Dizem que as lágrimas purificam a alma…
Já chorei tanto, choro ainda...
Já não será pura o suficiente?
Choras de tristeza e clamas alegria
Encontro explicação para tantas lágrimas
Choro pelos Homens, pelo mundo...
Quando estiveres comigo dá-me um abraço
É sempre tão aconchegante
Imagino-te severa... severa contigo própria.
Alma de quem procura a razão
Sou doce... tranquila, humilde... sou eu...
Severa comigo própria é certo
Tudo se resume a uma simples palavrinha....
No entanto uma palavrinha tão complexa
Vês amor na minha face
É paixão que sentes, vejo-o em teus olhos
Paixão sinto-o às vezes o amor trago-o sempre
Paixão canto eu ás vezes o amor é a melodia
Paixão trai-me por vezes o amor eterno companheiro
Expressivo esse teu olhar de espanto... ou medo?
Escuta o teu coração... ouve o que ele diz...
A verdade está escondida em ti,
A resposta em ti está...
Procura-a nos teus olhos, dentro de ti
Tudo o que sou é apenas os olhares que me entregam,
O sentimento que me entregam,
Os toques que me dão, a vida que me dão...
Sou feita de momentos partilhados por outros

Conversas de amigos
sumadartson
Enviado por sumadartson em 24/08/2007
Código do texto: T621791

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
sumadartson
Portugal, 47 anos
48 textos (942 leituras)
1 e-livros (21 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 06:01)
sumadartson