Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Depressão

     Sempre pensei em sumir, desaparecer, sair da realidade que me consumia, que me fazia sofrer, onde tudo era apenas tristeza e dor.
     Quantas vezes desejei nunca ter nascido, ou dormir e nunca mais acordar, o mundo pesava demais em meus ombros, minha cabeça doía de tanto pensar em coisas que me faziam mal.
     Amigos e colegas de trabalho não me compreendiam, me excluíam de tudo, falava de mim pelas costas, me criticavam, tornavam mais a vida mais difícil para mim, e a angústia de estar vivendo assim cada dia se tornava maior.
     Não recebia uma palavra amiga, apenas críticas, palavras duras, carinho que era bom esse eu não recebia, só recriminação e asperezas nas palavras e atitudes que tinham comigo.
     Cheguei a escrever a carta de suicídio, procurava na mente a forma mais rápida e fácil de resolver o problema que eu não sabia o que era, nem como eu cheguei a esse ponto e muito menos entendia o que se passava comigo.
     Eu dizia para mim mesma, "eu não sou assim", "sou uma pessoa alegre e cheia de vida",  "o que está acontecendo comigo?", "por que estou assim?"
     Mas as respostas nunca chegavam, e eu cada dia mais triste, até que um dia me disseram, "pare de sentir pena de si mesma, lute porque ninguém o fará por você, pare de se lastimar e procure resolver!"
     Procurei ajuda, e a encontrei, fiz o tratamento, hoje bem hoje, é uma nova vida e uma nova história em minha vida!
Jullian Petra
Enviado por Jullian Petra em 13/10/2018
Código do texto: T6475435
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
Jullian Petra
Rio Largo - Alagoas - Brasil, 41 anos
96 textos (8411 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/05/21 19:26)
Jullian Petra