Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ainda que eu falasse

Ainda que eu falasse a língua dos homens e falasse a língua dos anjos sem amor eu nada seria...
Amor, ingrediente fundamental e insubstituível para a felicidade e a paz.
Amor, alicerce do universo e engrenagem fundamental de nosso microcosmo.
Podemos conhecer todas as ciências terrenas e até sabermos algo sobre os mistérios da alma e assim impressionarmos o mundo físico, mas se não tivermos o amor em nosso interior, seremos como lápides maravilhosas em seu exterior, mas que carregam a podridão, os umbrais da morte.
Posso projetar casas e palácios, saber terapias para o corpo e a alma, escrever textos bonitos, mas se o verdadeiro amor não estiver em mim, serei interiormente um lindo jarro vazio.
Amor, sentimento que nos faz emocionar e também querer ajudar ao vermos a criança faminta.
Amor, sem ele somos túmulos caiados, apenas um vazio perambulando sem sentido e paz.
Ainda que eu falasse a língua dos homens e falasse a língua dos anjos sem amor eu nada seria...
AndréFurlan
Enviado por AndréFurlan em 14/12/2018
Código do texto: T6526671
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
AndréFurlan
Campinas - São Paulo - Brasil
243 textos (5097 leituras)
91 áudios (2177 audições)
103 e-livros (1589 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/04/21 05:40)
AndréFurlan