Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A DIFÍCIL ARTE DE AMAR

A DIFÍCIL ARTE DE AMAR
Eliana Duarte
 

Amar é maravilhoso, estar pertinho,
beijar, abraçar, sentir o calor.
Agora manter este amor para sempre
não é tão fácil,
com o anos vem o desgaste,
as diferenças, a rotina...
O tempo é implacável, se não
houver equilíbrio, o desejo
de união, paciência, compreensão,
fica difícil o amor sobreviver.
É como uma fogueira,
tem que estar alimentando sempre,
pois vem o vento,
os  problemas e a apaga,
vem a chuva, que são as tempestades,
e tudo vira cinzas.
Tem que olhar sempre na mesma direção,
e estar dia a dia alimentando
 a chama da paixão, procurando
sempre ver o que de
 melhor existe naquela pessoa,
relevando as diferenças e acreditando
neste amor.
Se você tem alguém que ama,
cultive este  sentimento,
alimente-o todos os dias,
como se fosse uma plantinha, adubando, regando-a
para não secar, sempre
fazendo-lhe um afago.
Deste mesmo jeito é o amor,
não podemos deixá-lo cair na mesmice,
temos que renová-lo
dia a dia, com carinho,
e claro... muito amor.

 Eliana Duarte
14/09/07
 
Eliana Duarte
Enviado por Eliana Duarte em 15/09/2007
Código do texto: T654022

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Eliana Duarte
João Pessoa - Paraíba - Brasil, 56 anos
594 textos (29074 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 08:46)
Eliana Duarte