Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Epitáfio

Epitáfio significa “sobre o túmulo”, vem do grego epitáfios.
Este termo se refere às frases que são escritas, geralmente em placas de mármore ou de metal e colocadas sobre o túmulo, ou mausoléus nos cemitérios, com o fim de homenagear seus mortos sepultados naquele local. Estas placas são chamadas de lápides.
Algumas lápides contém apenas o nome do falecido. Quando criança, nos longínquos e saudosos anos 80 conheci meu primeiro epitáfio e não tem como esquecer, porque foi algo por demais bisonho para uma criança, constatar que existiu um ser humano chamado Budmir Burmas Bumba - Não dá pra esquecer um nome como este.
Mas há epitáfios que são interessantes
Shakespeare, temendo ser condenado a ter seu descanso em alguma catedral de Londres e reafirmando seu desejo de repousar em sua terrinha natal ostenta (Ou ostentava, não sei se ainda está lá) em seu epitáfio a frase 'Maldito seja aquele que daqui remover meus ossos'.
Já o próximo foi um tabefe na cara de alguns arqueólogos arrogantes que desacreditam a Bíblia como um todo e consideram a crença em Deus o cumulo da ignorância.
Os citados senhores diziam que fora da Bíblia não há nenhuma evidencia de que existiu um rei chamado Uzias, que tenha morrido de lepra.
Até que foi encontrada uma pedra com uma inscrição em caracteres hebraicos antigos que diz 'Aqui estão os ossos do Rei Uzias o leproso, não abra'.
E como poderia ser o epitáfio do 007? Algo como 'Seu nome era Bond. James Bond'. E o de Bill Gates, bem que poderia constar apenas 'Offline'.
As vezes, em meu niilismo e espirais de ansiedade imagino a pedra que estará sob meu tumulo quando um dia eu for estudar a composição do solo do cemitério:
Além de meu nome cairia bem a frase 'Nasceu idiota, teve uma vida idiota e morreu idiota'.
Na realidade acho que plagiária o epitáfio de Níkos Kazantzákis, controverso autor de 'A última tentação de Cristo'. Por escrever esta blasfêmia, ele foi excomungado pela igreja ortodoxa grega e amaldiçoado pelo bispo de Atenas. Assim, ele sabia que jamais seria enterrado em um cemitério. Tanto que hoje repousa placidamente no meio da praça de sua aldeia natal.
Kazantzákis mostrou serenidade ao retornar ao pó e isso é o que quero pra mim.
Seu epitáfio apenas declara "Não espero nada. Não temo nada. Aqui sou livre."
Demência Treze
Enviado por Demência Treze em 12/06/2019
Código do texto: T6671142
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Demência Treze
Itaquaquecetuba - São Paulo - Brasil, 37 anos
13 textos (524 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/06/19 19:21)
Demência Treze