Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UM PONTO DE VISTA.

Um dia, sabe-se, lá, quando. Ou numa noite, quem sabe, num espanto, sem lua nem pranto, no breu do meu olhar embaçado, no mirar do espelho, lá, estarei. Nua. Completamente nua, a despir fantasias. Quem sabe, por lá, ficarei...olhar fixo no espelho, a descartar capas e capas, num dia quente de intenso verão. No espelho. A magia da imagem refletida. O milagre da imagem devolvida.O que nos retorna a imagem? O que enxergamos além do espelho embaçado? Enxergo a nudez dos disfarces protetores. Enxergo além da camada que te envolve. Enxergo em tua alma limpa, a transparência da menina dos teus olhos.

Elenice Bastos.
elenice bastos
Enviado por elenice bastos em 14/08/2019
Reeditado em 14/08/2019
Código do texto: T6719766
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
elenice bastos
Brasília - Distrito Federal - Brasil
211 textos (11864 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/08/19 02:18)
elenice bastos