Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SPINOZA IV



A substância por sua completude cria , transforma e produz , pois, nela não há falta.

Nosso próprio organismo por si só vive . É nossa enganosa consciência forjada na mimesis histórica que na retórica do inconsciente , retrai . Ao buscar alimento ou água tem na necessidade da força produtiva este viés , não é uma vontade animada pela visão ou lembrança das coisas. É a força do organismo.

A substância , por justamente não ter esta moralidade consciente , anula o " estar aqui" , o presente , ou passado. Portanto a natureza ou Deus, não é constituído de um espectro volumoso ao qual se possa distinguir , pois tornar-se-ia  incompleto.

Uma das partes da substância, por exemplo:

Do torrente sol , as águas dos rios e marés formam minúsculas bolhas d'água, ou vapor....ao atingirem atmosfera condensam e sob esta atividade forma se nuvens , onde há cristais de gelo ... derivando daí chuvas e tempestades ... Todo este movimento não prediz moral , não é criado por um ser singular. Esta assim para o mundo   como a necessidade da substância !

O processo tem a verdade em si mesma.
João Marcelo Pacheco
Enviado por João Marcelo Pacheco em 14/01/2021
Código do texto: T7159210
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
João Marcelo Pacheco
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 48 anos
3019 textos (29702 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/01/21 23:32)
João Marcelo Pacheco