Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Tenho me perguntado o motivo do porque no mundo existir tantos desencontros, tantas dores, tantas maldades. Homem destruindo homem. Uns tem demais outros nada tem. Tanta fome, tanta sede, tanta pobreza. A miséria do homem é bem maior do que a falta de riqueza de bens material, a miséria é a falta de decência, o mau caráter, o desamor. Tenho me perguntado porque tantas crenças, tanta discórdia, tantos conflitos religiosos, seria o mundo maldito ou maldito é o homem? - Hoje cheguei a conclusão que o mundo é uma grande lição o homem o aluno e a vida a escola. A vida é uma caminhada por caminhos turvos onde a lição é feita de muitas dores, muitas lutas, também muitas alegorias, falsos valores, falsas riquezas, falsas crenças. O homem tem a seu dispor a ilusão, que o faz cobiçar e lutar por coisas vãs, que o faz seguir caminhos que o aprisionam. Que o faz achar que dominam quando são dominados, acreditando que serão vencedores ao alcançar fortunas e para isso não se importam com as conseqüências, não se importam em destruir pessoas. Aprisionados pela cobiça são devastadores, destruidores. Acreditando serem superiores acham-se inatingíveis, vêem os que acham serem menos privilegiados como pequenos, inúteis, mendigos, escravos. E nesse mundo cruel o que vale é o poder, do dinheiro e da posição social que se encontram, nela não importa a maldade, por pior que seja e cada vez vai se desvirtuando mais e mais pessoas por esse caminho devastador, acreditando nesses podres valores. A verdade é que a vida é um grande aprendizado, o mundo uma escola e a provação são para alcançar uma sabedoria maior. Ninguém é avisado do que está a aprender, ninguém é avisado do que representa a provação final e dos resultados que ela pode lhe proporcionar. Cada um vai ter que descobrir por si só e a maioria nem percebe dessa provação que a vida é. No entanto muitos que serão aprovados no final serão aqueles que nem perceberam essa escola da vida, mas que por ela passaram com o coração puro e a mente desprovida da maldade humana, ricos pela natureza farta de uma vida que valoriza outra vida, que ama o próximo que tem percepção para perceber o milagre da vida e são dotados de realeza da verdadeira felicidade, que não é feita só de alegrias, mas é a felicidade de mesmo na dor passar por ela sem rancor, sem revolta. Esses sim, tem força, tem fé e apenas se deram a vida, a essa caminhada na terra. Outros ciente dessa grande escola da vida, podem cometer muitas falhas mas estão caminhando no aprendizado, e deixando para trás falsos valores, erros cometidos e sentimentos falhos. Só tendo como meta o aprendizado e quanto mais aprendem mais se sente engatinhando nessa escola do saber viver. Coitados são os dominados pela ilusão, nunca serão felizes, nunca alcançarão as maravilhas da graça de uma vida em harmonia. Por isso acredito que todas as desavenças do mundo faz parte dessa caminhada terra e homem, mente e coração, razão e ilusão em um caminho de conhecimento onde as escolhas é do homem mas quem o aprovara é Deus, somente Deus.
Glorinha Gaivota
Enviado por Glorinha Gaivota em 11/03/2021
Código do texto: T7204179
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Glorinha Gaivota
São João de Meriti - Rio de Janeiro - Brasil
936 textos (43236 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/05/21 21:11)
Glorinha Gaivota