Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

À luz da razão



À meia luz, a claridade da mente.
Entre um pensamento e outro, alguma verdade.
Antes do amanhecer termino a procura,
abandonado pelo carinho e a ternura,
que traziam a serenidade.

A alma, aflita, não disfarça os anseios.
E agora tudo o que eu mais queria
era que seus fins não fossem meus meios,
porque ainda trago com algum cuidado
os sentimentos que nem mesmo você,
com sua indiferença, conseguiu destruir.

E no descontentamento do que não foi dito,
cala-se a verdade que nunca nos pertenceu.
O tempo todo eu só fiz sentir
entre as luzes de um falso luzir
um brilho que nunca foi seu...


DAN ASSUMPÇÃO
Enviado por DAN ASSUMPÇÃO em 18/10/2008
Reeditado em 02/04/2013
Código do texto: T1235666
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2008. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
DAN ASSUMPÇÃO
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
330 textos (22980 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/05/21 05:21)
DAN ASSUMPÇÃO