Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O último Ato

Tudo de novo ,a mesma estória,o mesmo enredo,o mesmo ator,só a atriz que era outra.Mais uma vez quis eu interpretar esta peça que a vida me deu,sabendo de cor cada fala,cada ato,cada gesto,mas mesmo assim mais uma vez remontei o teatro do amor.
Que tem como autor o destino e a desilusão na direção,abrir meu coração,que estava fechado depois de mais uma peça fracassada,mal sabia eu que esta seria a ultima.Depois de reformado,tudo que havia de velho foi retirado,especialmente para essa nova velha atuação,o palco esta preparado,a expectativa de uma nova estréia,luzes acesas,abriram-se as cortinas...e o silêncio tomou conta de tudo..o público que presenciaria a maior estória de amor de todos os tempos...não venho.O que seria humor,romance,aventura...terminou na maior de todas as tragédias..E por falta da atuação.as cortinas se fecharam,,as luzes se apagaram...não veio o aplauso..não veio os risos..não venho o beijo..nada foi encenado..na verdade nunca houve um teatro,,,nunca houve uma cena..simplesmente pois a atriz não compareceu..e sentado e só ficou o ator que a vida continua a lhe dar o mesmo papel...sem ao menos lhe dar um final feliz..
Ronalldo Fernandes
Enviado por Ronalldo Fernandes em 02/06/2009
Código do texto: T1628543
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Ronalldo Fernandes
Vitória da Conquista - Bahia - Brasil
354 textos (17262 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/09/20 05:53)
Ronalldo Fernandes