Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
EGOÍSMO

Enfim descobri...
Que você nunca foi minha.
Que seu amor...
Não pertence a ninguem.
Você era ilusão...
A incerteza, o incógnito amor.
Tu foste, a duvida...
A dor, o sentimento negativo.
Tu foste, o ódio...
O egoísmo, o orgulho ínfimo.
A mentira que flui...
Num coração, doente e vazio.
Fostes o flagelo...
Entre mentiras e verdades.
Fugistes...
Do amor, da esperança.



Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 10/09/2005
Reeditado em 28/04/2007
Código do texto: T49170
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 73 anos
2317 textos (155129 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/10/20 08:33)
Volnei Rijo Braga