Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CAI A CHUVA MIUDINHA

Cai a chuva miudinha de mansinho,
E eu perdido nas ruas da minha cidade,
Em busca de algo que não encontro,
É uma desilusão por tanto desencontro.

Insisto, não desisto, sou um crente
Que ainda penso encontrar o que perdi,
Estarei atento agora e até ao fim,
Nunca serei fraco, nem serei desistente.

Sei que o que procuro não encontrarei,
Foi sequestrado por gente cruel,
Que resolveu ser um meu inimigo infiel,
Justiça pelas minhas mãos farei.

A chuva não para, me incomoda tanto.
Que fico a tiritar de muito frio,
Mas não desisto, antes me dá alento,
Para estar desperto e atento.

Tenho fé no futuro ainda bem longínquo,
A idade não me limita, eu creio
Que com perseverança, é mais líquido,
Não terei medo nem algum receio,

Ruy Serrano - 03.12.2019
Ruy Serrano
Enviado por Ruy Serrano em 03/12/2019
Reeditado em 03/12/2019
Código do texto: T6809953
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Ruy Serrano
Portugal, 84 anos
2098 textos (19249 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/19 08:09)
Ruy Serrano