Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Desejos Despidos

A noite despe-se,
Num sono triste, adormecido,
almas que choram,
Desvios de sons mudos,
Silêncios vivos,
No despir da noite permanece o vestir do dia...
O dia despe-se,
Tal e qual como eu sonhava,
Um vazio de minha alma tenta procurar o sorriso da tua
Mas não o encontra
A tristeza liberta um arrepio,
Lágrimas que choram fazem o rodopio...
Os olhares trocados entre tu e eu
Confundem-se em ilusões
Confundem-se em confusões,
Choram as desilusões
Corações respiram pulsações
Rápidas...Quentes...Calmas...
É a morte a chegar...
Morte do dia vida da noite a se aproximar...
São desejos despidos...
Mas não temos como vesti-los
Davi El Brujo
Enviado por Davi El Brujo em 22/10/2007
Código do texto: T705577


Comentários

Sobre o autor
Davi El Brujo
São Vicente - São Paulo - Brasil, 57 anos
156 textos (4275 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 01/03/21 04:55)
Davi El Brujo