Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um coração em estilhaços
A alma sofre em pedaços
O dia nasce cinzento
Um triste sentimento
Faz chorar o palhaço

Neste circo louco da vida
De tantas vindas e idas
O pano cai, a face revela
Lágrima fria que corre e gela
A dor de mais uma despedida

Um sorriso triste, calado
Um sentimento encarcerado
Falta você, falta um abraço
Como dói essa distância enorme
Tudo me traz seu rosto, seu nome
Sou o mais triste dos palhaços

Te desejo minha, por inteiro
Fazer desse amor um picadeiro
Arrancar aplausos da plateia
Ver sorrisos e olhos brilhantes
Fazer deste mágico instante
Uma infinita e bela epopeia

Um sorriso triste, é morto
Um navio a navegar sem porto
É circo sem magia e palhaçada
É uma dor que vem do fundo
Expelida por um sonho profundo
De sentir o beijo da mulher amada




                  
   
"No circo da vida o palhaço sorri, porém o homem chora..."
Edil Franci
Enviado por Edil Franci em 25/05/2009
Código do texto: T1614452


Comentários

Sobre o autor
Edil Franci
São Paulo - São Paulo - Brasil
918 textos (95013 leituras)
2 e-livros (123 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/09/20 21:19)
Edil Franci