Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A fio, esperar, laminar-se...


Eu ousei você, fui campo de luta
sempre te quis valente, temida
amiga na covardia dos outros
amante de sua paz, sou a vida!

E lhe roubei frutas ou alimentos
te dei motivos para me ferrar
e comigo tu foste algo maior...
confiante desertora do amôr

Sei lhe agradar-te, infelizmente
por cada semear de esperança
a cada plantar vinhas sem ira
docemente te beijo tão traída...

Ousaria ir mais longe, desperta
livre dos sonhos ou as paixões
consigo respiro, suspiro enfim
e amando o sermos caridosos

Te quero é permitido, frenético
como quiser que seja devedor
um sentir que o amanhã é você
quais tardes frias a te esquentar

Não que seja rápido, este orar
esta poesia fanha de fala irmã
os versos ao ousarem definir-te
um canto lindo de declamações!

Lhe jurei escrever como quero
sabiamente a escolher palavras
o amôrzinho instante infinitivo
tão doces, amargos, débeis risos

Antes que seja, o tardar do eco
implacável juízo, afã verdades!.
o mentir desistido diante do bem
eu sozinha contigo a esperar luz

Diante do cego acaso dessa vida
estou exigindo você e lhe espero
cansada de mãos vãs de poetisa
sofrendo a cada palavra escrita...

Esperança que vai, eleva eterna
que faz surgir o entardecer útil
para um bem de nossas ilusões
raiar do dia que alegra perdido

Sou confiante, sou seu embate!
guerreira de luz, a dama lumiar
certa peregrinação, só tua vida
a me encontrar no ontem agora

Sou a louca, atrever-se que sou
desolada em delongas de dizer!
a confiar neste amôr desvirtuado
cada frase deleite de um desejo

Fui longe, você nem está perto
estou aqui, mas onde o acharei?
cada distanciar uma penalidade
ou devia aguardar em lágrimas?



Jurubiara Zeloso
Enviado por Jurubiara Zeloso em 07/12/2017
Reeditado em 07/12/2017
Código do texto: T6192715
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Jurubiara Zeloso
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
2148 textos (15655 leituras)
1 áudios (56 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 12:53)
Jurubiara Zeloso

Site do Escritor