Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UM PAI MISERICORDIOSO!

Onde estão os ceifeiros?
A quem enviarei?
Quando me adorava,
Os anjos sempre entoavam
Ajudando na adoração!
Já é a última hora filho,
Volte sem demora,
Como servo te escolhi;
A seara é grande,
Na casa de meu Pai
Há muitas moradas!

O que foi que você fez?
O inimigo percebeu
E, com suas artimanhas
te envolveu
Mas espero um gesto teu!
Tenho cuidado sempre de ti
Naqueles momentos insustentáveis
Carreguei-te no colo:
Teus soluços ouvir,
Teus gemidos escutei,
Teu coração acelerado,
Tua alma em desespero,
Teu espírito aprisionado
E ao invés de me pedir ajuda,
Nem se lembrou que Eu existo.

Abandonou os meus caminhos
E com isso o teu espírito
Em grilhões se acorrentou...
Mesmo conhecendo a minha Palavra,
Desprezaste o teu Senhor.
Quando me servias,
Meu coração sempre se
Alegrou!

Filho, por que me
abandonaste?
O que Eu fiz pra ti?
Não tiveste forças contra o
mal?
Se alguém te machucou,
não fora Eu,
Mas se tem alguém
que zela por ti,
Este sim sou Eu!

Quando agonizavas,
Sem saída, diante dos fatos.
Amei-te e te salvei
Com minhas mãos estendidas,
Coloquei-te em meus braços,
Teus pecados perdoei.
E teu soluço,
tuas lágrimas cessaram.

           Autora: Léia Costa
AmetistaNeon
Enviado por AmetistaNeon em 04/12/2019
Reeditado em 04/12/2019
Código do texto: T6810957
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
AmetistaNeon
Campinas - São Paulo - Brasil
135 textos (2771 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/01/20 09:02)
AmetistaNeon