Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mãe

Mãe
Mãe, numa pequena palavra, quanta força e poder
É o anjo escolhido por Deus para trazer à vida
Aqueles por quem vai sempre lutar, mesmo a sofrer
E a chorar, na alegria da chegada ou na dor da partida.

Mãe, flor que com a maciez das pétalas ensina
O amor incondicional de que por Deus foi dotada
Mas que com a crueza do espinho corrige e recrimina
Porque o amor é também a justiça que lhe foi dada.

Mãe, como todos nós, ser humano imperfeito
Mas que de Deus o mais próximo esteja o coração
Pois às venturas e desventuras está mais sujeito
E aberto tem sempre o peito ao amor e ao perdão.

Mãe, abraça e acolhe quando nasce o rebento,
Leoa destemida para o sacrifício por sua cria
Que a qualquer custo ou vergonha busca o alimento
E a fome e a sede, de quem trouxe ao mundo, sacia.

Mãe, ser que mesmo quando erra é buscando acertar
Pois pelo filho é quase sempre instintiva e passional
Assim, por tudo e por todos, merece sem questionar
O que nos dá: o mesmo amor divino e incondicional.
                                                               Cícero – 06-05-2015.
Cícero Carlos Lopes
Enviado por Cícero Carlos Lopes em 06/05/2015
Código do texto: T5232528
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Cícero Carlos Lopes
Ferraz de Vasconcelos - São Paulo - Brasil, 43 anos
374 textos (6612 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/19 01:38)
Cícero Carlos Lopes