Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Interpretação


Se digo A
Entende Z
Se escrevo Y
beta
E lá vou eu pra Creta
Tentar fazer você entender
Que tudo que quero
É amar você!

Oh homem mais tonto meu Deus do Céu!
Nunca vi coisa igual!
Quer que eu desenhe?
Ou quem sabe faça sinal?
Ou publique no jornal?

Ah,
Eu desisto
Desisto de amar você!
Tenho certeza
Que alguém por ai, talvez
Lá na China
Vai entender o meu lado menina
E do jeito que sou
Querer me amar
Querer meu amor!

Ah, homem complicado
Esquece tudo que eu disse
Esquece tudo que escrevi
Esquece que é meu amado
Vou me embora pra outro lado
Escrever, quem sabe, em aramaico
O fazer um tibetano compreender
que só quero fazer entender
que o amor é descomplicado
e que não precisa ser sacrificado
por causa de um homem desconfiado.

Ah, chega!
Cansei!
Vou dormir!
Como disse um cara na novela global,
“se você oferece seu amor a alguém,
e este alguém não aceita, 
não é porque você é pouco,
é porque este alguém  não merece o seu amor!”

Boa Noite de Sono !

Fátima Batista
Enviado por Fátima Batista em 03/07/2006
Reeditado em 11/12/2007
Código do texto: T187083
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Fátima Batista
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
1436 textos (75639 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/01/20 19:37)
Fátima Batista