Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FÚRIA E TEMPERANÇA

Não se agarra a morte
pelos cabelos
assim como a vida,
aventureira,
luminosa vingança
enlaçados os percalços,
pés descalços
à procura
itinerante do estudante
e da raiva estampada
na ponta de um cigarro.

Ou se vinga na fúria
loucura
rapidez inteligência e moderação
ou se queima a luxúria,
aventura e orgasmo,
temperança e ostentação.

Não se passa por esta vida
Relâmpago e raspão,
leve raio ou campo elétrico
rápido como trovão.
Não se ama em despedida
pureza ou momentos de recuperação
amor de circunstância – tétrico,
marcado e massacrado,
contínuo como o som.

Espetacular
brilhante como o sol
arco-íris multicolorido
sem alucinações sem drogas
noites de inverno
absurda ternura.
Amor com desejo brutal
realidade intercontinental
razão atemporal.

__ estou certo que morrerei no final!


Wildon (26/03/2004)
WILDON LOPES
Enviado por WILDON LOPES em 15/06/2006
Código do texto: T176139
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
WILDON LOPES
São Paulo - São Paulo - Brasil, 61 anos
276 textos (17904 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/03/21 01:57)
WILDON LOPES

Site do Escritor