Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


OLHOS DE NINGUÉM

A arma dos olhos alimenta os bombardeios de olhares sutis, a velocidade do perceber distingue a visão do raciocínio lógico com o da soberania da ilusão.
Escraviza nossa mente a ferro e fogo transitando aturdido pela rua das amarguras refugiando-se em marquises de sofrimentos.
Ao alcance das diferenças transportam-nos com a exatidão da vida, a perseverança lança-nos á humildade e do destino à espécie rara.
Os distúrbios caem por morte, o amor no ar perfuma nosso olfato exalando sempre uma grande esperança.


Gueko
Enviado por Gueko em 16/03/2007
Reeditado em 16/03/2007
Código do texto: T414363

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Gueko
São Mateus - Espírito Santo - Brasil, 54 anos
824 textos (36385 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/09/20 06:23)
Gueko