Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Insone

Chegou o momento
Vou começar minhas vinganças
Pensá-las em detalhes
Requintar-lhes os pontos
E depois desses planos
Mudar minha agenda
Para a rotina do dia

O que fazer ao amanhecer
Ao sair do meu quarto
Até a hora em que parto
Pra labuta do dia
Naquela companhia
Naquelas companhias
Naquele ninho que um dia
Fui um estranho

Novamente voltei-me aos sonhos
De viagens, de compras,
De confraternizações
Revi as divas cantoras, atrizes, namoradas,
Personagens desbotadas...
Fui ao palco solando numa banda de jazz
Entrei no estádio lotado
Ovacionado, fotografado, entrevistado...
Com um dez na camisa e a torcida aos pés
Foi enfraquecendo os sons
Eu nem ouvia mais...
...Adormeci...

Edbar
Enviado por Edbar em 31/01/2007
Código do texto: T365109
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Edbar
Recife - Pernambuco - Brasil, 69 anos
3202 textos (97629 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/09/20 11:48)
Edbar