Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Minha Poesia



Minha poesia está no sangue...

Por fora, nenhum sinal
De um poeta;

Apenas um olhar
Sem expressão,
Um corpo disforme,
Quase Quasímodo
E um rosto langue.

Nem parece que por ele
Passa vida...

De fato, não passa;

Nas minhas veias
Corre poesia.

Nada mais.

André Espínola
Enviado por André Espínola em 06/02/2007
Código do texto: T371023

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
André Espínola
Recife - Pernambuco - Brasil, 35 anos
247 textos (12561 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/20 11:32)
André Espínola