Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Pontos Cardeais


Todos trazemos desde o nascimento
Nossos pontos de localização e orientação
Vêm incrustados no corpo e na alma:
De maneira a nos lembrar sempre
Que não podemos esquecer a direção.

A leste nosso lado direito
A nascente obrigação de convergir
Para o lado oposto numa caminhada
Serena para atingir a plenitude do ser.

Temos no leste o nascimento do amor
Do afago, do perdão, da consciência;
O sol que, brilhante, ilumina a todos
Sem se importar com o que somos.

Vamos caminhando, com o ter
Em direção ao sul, atingindo
Com nossos pés a ciência
Que dá ciência de ser humano,
De ser um ente afável.

No oposto, a esquerda, temos o oeste
O poente, as emoções se pondo
Em contato com o mundo do perdão
Respondendo para o ser:
Queremos ser humanos,
Queremos ser amados
Queremos ser solidários
Queremos ser, ser,

Para tal caminhada, utilizamos os pés
Ao sul do nosso corpo.
Com ele vamos planejando
Com ter para poder ser

Vamos pesquisando onde
colocamos nossos pés.
Esse sul orientado nos leva
E conduz desde que queiramos.
Promover a nossa própria pesquisa
Interna de sabermos o que queremos
Transformar em nós.

Encontrar o Norte, na cabeça
Que recebe o cérebro,
Que contém a inteligência
A consciência racional.
Nosso Norte nos ensina
Aprender para aprender a aprender.
Procurar com muita disciplina
Nos quatro pontos cardeais
Estão contidos na Educação.
É preciso ter consciência que não sabe
Para conquistar e ser consciente de seu ser
Aprendendo a pesquisar sempre,
Investigando atitudes
Pois nunca deixamos de aprender a aprender.
Pois é essa nossa função na Terra.


MVA
Enviado por MVA em 25/02/2007
Código do texto: T393411
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
MVA
São Paulo - São Paulo - Brasil
1964 textos (213664 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/09/20 02:19)