Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Esperança



 
 
Esperar sempre
Desde sempre
E ainda

Esta força verde viva
A luzir ao fundo da alma,
Que sofre tanto
E vai sozinha,
Vendo-se no espelho

De si-mesma.
(Como se fora ainda
a
menina
que cria e insistia
insistia em sorrir)

Esperança!
Luz verde viva
Na alma dorida
Que acredita
Que nem todo mal
Que habita
Na incerteza

Nos faz ser maus
Desacreditar
Na límpida pureza
Que se procura.
Maria Petronilho
Enviado por Maria Petronilho em 12/02/2005
Código do texto: T4126
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Maria Petronilho
Almada - Setúbal - Portugal, 68 anos
1279 textos (137600 leituras)
60 áudios (14459 audições)
9 e-livros (6503 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/05/21 01:21)
Maria Petronilho

Site do Escritor