Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O MEU CANTO PREDILETO.

MANHA DO MEU CHÃO
ESTOU A CAMINHO DA LIDA
JÁ CONTEI TODOS OS PASSOS.
FALTA POUCO AGORA
A CHUVA É FININHA
CONSIGO SENTIR
O CHEIRO DE TERRA MOLHADA.
NÃO QUERO OUTRO LUGAR
NEM SEI O QUE EXISTE POR AI
AQUI É O MUNDO QUE DESCOBRI.
TALVEZ, EU NÃO SEJA UM GRANDE GUERREIRO
PARECE QUE MUITO MAIS COISAS
NÃO PODEM ME PERTENCER.
VOLTO AO ENTARDECER PARA CASA
NADA DE NOVO ESPERO ACONTECER
MESMO ASSIM FICO FELIZ EM MIM.
QUANDO OLHO PARA AS ESTRELAS
ELAS ESCREVEM NO CÉU
QUE TAMBÉM FAÇO PARTE DE TUDO.
A PORTA ESTA FECHADA
ME PERGUNTO SE IMPORTA REALMENTE
A MINHA IMAGINAÇÃO DÁ; VOLTA, VOLTAS E VOLTAS.
NO INTERIOR DO QUARTO
A CAMA ME TRANSPORTA LIVRE
POIS SEI QUE ALI NO SONO O SONHO VEM SONHAR
E QUEM SOU EU PARA NÃO DEIXAR.
É O QUE MAIS GOSTO DE FAZER
DORMIR NO MEU QUARTO LIRICO
LÁ, SEI QUE A MINHA ALMA TOMA A SUA PARTE
ENTRANDO EM OUTRAS PORTAS
TRANSCENDENDO AOS MUNDOS
FAZENDO DE MIM
UM MORTAL IMORTAL.


                                            CONDOR AZUL.
Condor Azul
Enviado por Condor Azul em 26/01/2018
Código do texto: T6237105
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Condor Azul
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 57 anos
837 textos (29998 leituras)
1 áudios (185 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/11/19 17:39)
Condor Azul