Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PALAVRAS

palavras palavras
avenidas largas,
ou
simples becos,
onde me aconchego
encolhida num canto,
queimando com a chama da vela
que me  tece lembranças  cansativas.

está lá também, na chama da vela,
palavras que se revelam. e se evaporam

Sopro a chama, mas o
chamado não se apaga.

meu chão,
minha lança, meu não
meu exército de vento
que nunca fez furacão

sina em larva,
virando a praga
na praça da minha vida,
somente uma raça de palavras.
sobreviventes, mais nada.
TB
Enviado por TB em 30/10/2005
Reeditado em 02/11/2008
Código do texto: T65416


Comentários

Sobre a autora
TB
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
54 textos (45727 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/10/20 21:41)
TB