Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sempre no Tempo Futuro
 
Todos queremos
espaço para existir,
Todos queremos
espaço para sonhar,
Tanto queremos
que vezes nos esgotamos,
Tanto queremos
que ficamos ansiosos,
Tanto queremos
que o próprio querer
perde o sentido,
O querer nos toma para si,
o querer passa nos identificar,
Vivemos então pelo querer,
Sem questionar,
mas apenas querendo,
De todo coração,
de toda a força da alma,
E nisto tem algo
de tão estúpido,
como humano,
E nisto existe
algo tão simples,
quanto complexo,
Um jogo tolo,
de decifrar-se
e decifrar aos outros.
Simulando sorrisos,
simulando tristeza,
simulando vida.
Na angústia
de tanto querer,
então transcender,
Ir além, porque sempre
será preciso ir além,
Seremos servos do eterno além, 
 escravos do futuro,
Lá parece estar o paraíso
que o passado não quis dar,
Lá parece estar a promessa
que o presente não proporcionou.
Gilberto Brandão Marcon
Enviado por Gilberto Brandão Marcon em 15/06/2009
Código do texto: T1650505
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Gilberto Brandão Marcon
São João da Boa Vista - São Paulo - Brasil, 57 anos
1282 textos (96899 leituras)
251 áudios (17537 audições)
8 e-livros (1776 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/09/20 09:50)
Gilberto Brandão Marcon